quarta-feira , 24 maio 2017
Últimas Notícias
Você está aqui: Capa / Destaques / Amapá bate recorde nacional de devolução de cheques sem fundos

Amapá bate recorde nacional de devolução de cheques sem fundos

Em março de 2017 a devolução no Amapá foi de 18,37%. Santa Catariana foi o menor no mesmo período: 1,76%.
Amapá segue liderando o ranking brasileiro de cheques devolvidos por insuficiência de fundos, segundo levantamento da Serasa Experian. Foram acumulados no total 20,66% de janeiro a março de 2017, apontou o estudo.
Santa Catarina foi o estado com menos devoluções, somando um percentual de 1,76% durante o mesmo período.
No Brasil, o percentual de devoluções de cheques pela segunda vez por insuficiência de fundos em março foi de 2,34% em relação ao total de cheques compensados.
O índice sofreu elevação em relação aos meses anteriores. Janeiro e fevereiro haviam registrado 2,12% de devoluções, cada um. No acumulado do ano, o primeiro trimestre chegou à marca de 2,20%.
Março registrou 1.124.362 cheques devolvidos em todo país e 47.977.094 compensados. Em fevereiro de 2017 haviam sido 747.561 cheques devolvidos por falta de fundos contra 35.308.156 compensados.
Para a Serasa Experian, o aumento da inadimplência com cheques em março reflete a sazonalidade adversa do período tendo em vista o acúmulo de dívidas desta época do ano (IPVA, IPTU, material escolar, entre outros). Mesmo assim, a inadimplência com cheques em março acabou ficando mais baixa que em março do ano passado já que neste ano as taxas de inflação e de juros estão menores que há um ano, contribuindo para uma inadimplência menos acentuada.
No estado, a devolução de cheques em março de 2017 foi de 18,37% do total de cheques compensados, maior que a devolução de 17,52% registrada em fevereiro. Em março do ano anterior, a devolução de cheques pela segunda vez por falta de fundos no Amapá havia sido de 21,07% do total de cheques compensados.

Foto 3

O Estado do Amapá lidera o ranking de cheques sem fundos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*